Melhores momentos do fashion week em Londres, Milão e Paris – minha coluna na Glamour de abril

Separei os melhores momentos do fashion week em Londres, Milão e Paris para minha coluna de abril na Glamour.

Londres

Burberry see now buy now: o desfile da Burberry é sempre um dos pontos altos do fashion week. Agora em formato “compre no dia seguinte”, inevitável fazer uma lista de desejos mental – no topo da minha estão os vestidos brancos de renda, usados as vezes com camisas por baixo, e os tricôs.

Highlights das passarelas: dos muitos bons desfiles que pude ver nessa LFW, ficaram na minha memória os sapatos elaborados da Mary Katrantzou – primeira vez que a estilista faz sapato! -; os vestidos de festa com flats de veludo e laço também de veludo da Emilia Wickstead; as belas estampas da Erdem, as peças metalizadas de Christopher Kane… E, como sempre, os acessórios ultracriativos da Charlotte Olympia, que dessa vez seguiu o tema film noir.

Points da vez: o Sketch não é novo, mas depois de ser reformado pela arquiteta India Mahdavi, voltou a ser o hot spot por um motivo bastante óbvio: é o restaurante mais instagramável de Londres com seus sofás de veludo rosa (ainda bem que o banheiro com seus casulos espaciais continua igual!). Já o melhor lugar para tomar um drink e fazer people watching é o bar do Chiltern Firehouse – só precisa caprichar na produção e no charme para conseguir entrar, porque eles podem ser um pouco chatos na porta!

Para encerrar a LFW, Natalia Vodianova e Karlie Kloss receberam para mais uma edição da Fund Fair, um parque de diversões beneficente super bem bolado com atrações como piscina de bolinhas Météorites da Guerlain e pescaria do Net-a-Porter, com top models recebendo em cada barraquinha. Toda a renda arrecadada na noite vai para a fundação Naked Heart, que ajuda crianças na Rússia, país natal de Natalia.

Milão

Injeção de chiqueza: os looks monocromáticos da Max Mara são a receita certeira para quando você quer estar elegante sem esforço.

A Pasticceria Marchesi é o melhor lugar para marcar um café durante a MFW – tradicional confeitaria reformada pelo grupo Prada, é um puro deleite visual. Eu, claro, vou no chá verde e sempre peço um gianduia para acompanhar!

Para ficar de olho: a marca de pijamas deluxe para usar na vida real For Restless Sleepers, modelos, estampas e tecidos que são a cara da riqueza.

Para ficar de olho 2: a nova linha de óculos da Valentino está um arraso, relançada agora em parceria com a Luxottica. O evento para apresentar os novos modelos foi um primor, experiência mega sensorial, várias salas com estímulos diferentes. Já estou usando super o meu (postei aqui no Instagram!) e, depois de conferir os lançamentos da próxima estação no resee do desfile, já fiz literalmente uma lista de desejos, vários óculos lindosss.

Foco nos pés: amei os sapatos da brasileira radicada em Milão Paula Cademartori, mais conhecida pelas bolsas, o novo modelo de tênis da Gucci e a botinha de veludo rosa da Jimmy Choo.

Paris

Só penso em azul marinho depois do desfile todo nesse tom feito por Maria Grazia Chiuri na Dior (sem falar nas roupas com capuz! Dá para ver mais no vlog do PFW aqui).

Ainda sobre Dior, é da marca o hit absoluto do streetstyle da estação, o sapatinho de salto com tira J’Adior, já esgotado em todo canto. Outra sensação do streetstyle: looks em tons de rosa – bombou!

Pausa para compras: sempre passo no Le Bon Marché para ver o que tem de bom. Além da ótima seleção de grifes e peças, adorei a área de cosméticos no primeiro piso com marcas diferentes e um bar de máscaras!

Perdições gourmet entra temporada, sai temporada: a pavlova do L’Avenue e o spice tuna crispy rice do japonês Kinugawa.

Momento memorável: o foguete da Chanel que realmente decolou! A bota brilhante prateada também foi bastante memorável… Já está na minha wishlist, bem como as botas da Valentino.

As bolsas da Aesther Ekme, marca de uma brasileira radicada em Copenhagen, foram uma feliz descoberta em um dos showrooms que visitei – design minimalista, funcionais, levíssimas e super cool!

. . .